Experimentos no espaço

by

No post passado dei minha opinião sobre o uso de tecnologias na educação, principalmente do modismo dos tablets. Vários comentários surgiram, entre eles do André Scholz, que mencionou a importância de experimentos feitos em laboratório para despertar o interesse dos alunos.

Apesar de usar pouco o laboratório, concordo com o André. A observação ao vivo e a cores feita em laboratório pelo professor, ou melhor ainda, feita pelo próprio aluno, é quase sempre insubstituível. Nenhuma explicação teórica, desenho, imagem ou até mesmo vídeo, causa o efeito que a observação de um experimento faz.

Quando digo experimento não precisamos de grandes parafernálias, ou complicados equipamentos. O simples fato de atritar uma caneta esferográfica de plástico na parede, fazendo com que ela fique grudada na mesma, sempre provoca admiração.

Uma coisa é dizer que se você aquecer uma lata de refrigerante vazia diretamente no fogo e em seguida colocar em uma vasilha com água, ela se amassa. Outra bem mais interessante é pedir que os alunos façam isso em casa e se assustem com o estouro que a lata pode dar (basta pedir que eles deixem um pouquinho de água dentro da lata).

Nessa semana a NASA disponibilizou um vídeo bem interessante. O astronauta Don Pettit atritou uma agulha de tricô provocando uma eletricidade estática. Em seguida ele lança pequenas gotas de água em volta da agulha. As bolhas giram em torno da agulha como planetas girando em volta do Sol. Uma experiência muito simples, porém realizada em um ambiente especial: o espaço.

No espaço, longe da forte atração gravitacional da Terra, ou estando em orbita (e portanto em queda livre), todo líquido assume a forma esférica. Caso a força elétrica esteja perpendicular a velocidade a bolha vai girar em torno da agulha, assim como a força da gravidade agindo sobre um satélite.

Agradeço ao Adriano Lima de Souza que me indicou o vídeo.

Anúncios

Tags: , , ,

8 Respostas to “Experimentos no espaço”

  1. Jose Manoel Martins Says:

    Taí um bom exemplo do uso de tecnologia na educação. A apresentação desse fenômeno seria impossível sem essa tecnologia (vídeo, youtube etc.). Boa, professor! Posso ainda dizer que a experiência da lata, em casa, fez bastante sucesso. Abraço.

    • blogs oswald Says:

      Exatamente josé manuel, um bom exemplo, mas não indispensável, não é mesmo? o objetivo principal do astronauta não era fazer o experimento, não se investiria bilhões de dólares só para isso. abraço

  2. Adilson Says:

    Eu acho que tudo tem um porquê. Se ele estava no espaço e resolveu fazer esse experimento, mesmo não sendo indispensável agora, talvez, seja mais um ponto de partida para novos estudos e experiências. Apesar deste conceito não ser novidade, abre caminho para novos pensamentos e idéias despertando interesse nos estudantes. E assim evoluímos científicamente em relação as grandes incógnitas que o universo nos desafia a resolver.
    Abraço a todos.

  3. André Scholz Says:

    Oi Jacó, tudo bem?
    Muito legal o vídeo!
    De fato me lembro de poucas experiências no laboratório com você, mas a gente queimou giz, não? A Dóris fazia muitas… Mas acho que é legal mesmo quando somos bem crianças, pra começar a fazer abstrações… Aliás, como esquecer daquela aula “do macro ao micro” na 8a série? Por falar nisso, dá uma olhada nesse link que o Lord me mandou: http://notdoppler.com/thescaleoftheuniverse2.php#.T0AreIX9p20.facebook

    Abraço

    • blogs oswald Says:

      Oi André, não lembro de quimar giz não..rsrs. talvez tenha sido em quimica. Mas que demais esse lonk!! eu conhecia outros em power pojnt mas esse é bem mais legal e completo. vou fazer um post indicando a todos. abraço

      • André Scholz Says:

        Oi Jacó,

        tenho certeza que era com você, tinha algo a ver com pode calorífico… acho q era uma experiência e queimamos giz por suas costas talvez, ops… rs

        abs

      • blogs oswald Says:

        O Wagner (quimica) tb trabalha poder calorificio e ele faz experimento onde queima coisas, geralmente alimentos e não giz…ele costuma queimar castanhas. talvez vcs tenham queimado giz de travessura..rsrs

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: